Core-PB

Atendimento online
Clique aqui e tenha acesso aos principais serviços pelo Setor de Atendimento do Core-PB.
  • portal-da-transparencia
    Transparência e prestação de contas
  • denuncie
    Denuncie o exercício ilegal da profissão
  • info
    Transparência e prestação de contas
  • denuncie
    Denuncie o exercício ilegal da profissão

PIX bate recorde de transações por dois dias seguidos, diz Banco Central

PIX bate recorde de transações por dois dias seguidos, diz Banco Central
Na quinta-feira (6), foram feitas 129,4 milhões de operações; na sexta-feira (7), novo recorde: 134,8 milhões de transações. PIX é a principal forma de pagamentos no Brasil.

O número diário de transações PIX bateu recorde por dois dias seguidos na última semana, segundo informações divulgadas nesta segunda-feira (10) pelo Banco Central.

Na quinta-feira (6), o BC registrou 129,4 milhões de transações. No dia seguinte, chegaram a 134,8 milhões.

“Os números reforçam a relevância do PIX, meio de pagamento disponibilizado à população brasileira em novembro de 2020, no funcionamento da economia nacional”, disse o BC em nota.

Segundo dados do Banco Central, em junho, foram feitas 2,86 bilhões de transações por PIX – maior número da série histórica, que começa em novembro de 2020. Atualmente, mais de 405 milhões de contas estão cadastradas.

Em 2022, o PIX foi a principal forma de pagamento usada pelos brasileiros, atingindo 29% de todas as transações registradas. Em 2021, foi de 16%.

O sistema de pagamentos instantâneos foi implementado no fim de 2020, com o objetivo de aumentar a digitalização das transações financeiras.

Em 2024, o Banco Central deve implementar uma nova modalidade de PIX Automático, para viabilizar pagamentos recorrentes de forma automática.

Fonte: G1 Brasília\Confere